Portal Opinião Pública "Jornalismo com independência e imparcialidade!"

Vergonha: Teixeira de Freitas passa por problemas na coleta de lixo feita pela empresa Construpolli, e os lixões se multiplicam.

ByLéo Feitosa

jan 17, 2019

O crescimento populacional, e consequentemente o crescimento na geração de resíduos sólidos urbanos vem gerando grandes problemas para o município de Teixeira de Freitas no estremo sul baiano. 

Mas não apenas isto!

A má aplicação dos recursos públicos municipais por parte da administração do prefeito Temoteo Alves de Brito, agrava ainda mais o problema devido os fortes indícios de irregularidades.

Destacou-se nesta situação de verdadeira calamidade, a pouca conscientização da população e a ineficácia dos  investimento do poder público, em realizar um programa de coleta seletiva, o que segundo os diversos comentários nas redes sociais, pode-se chegar à conclusão de que o dinheiro público está literalmente indo para o lixo, ou o bolso de alguém. 

CONSTRUPOLLI CONSTRUTORA E INCORPORAÇÃO LTDA – EPP, empresa responsável pela coleta de lixo, já é investigada pelo próprio Ministério Público Federal em outras ações envolvendo supostas fraudes licitatórias e crime ambiental, com a anuência de vários prefeitos da região, entre eles o atual prefeito de Teixeira de Freitas Temoteo Alves de Brito, fato que inclusive culminou recentemente com o bloqueio de bens da referida empresa.

Leia também!  Prefeitura no Seu Bairro: mais uma edição ocorreu nesta sexta, 22, em Cachoeira do Mato; confira!

 

O risco da proliferação de doenças infecto-contagiosas pelo acúmulo do lixo nas ruas, a invasão de urubus, ratos, insetos, principalmente moscas e baratas, agravam ainda mais a situação, em decorrência da aparente omissão das autoridades fiscalizatórias. 

Ao longo das últimas semanas os moradores de diversos bairros de Teixeira de Freitas, passaram a reclamar das irregularidades na coleta do lixo domiciliar, sobretudo, no que se refere a demora na passagem dos caminhões coletores.

Nas redes sociais há relatos de que a coleta de lixo não passa à pelo menos 14 dias, e que a saída encontrada por alguns moradores, é contratar carroceiros, para fazerem a coleta e levarem o lixo até o aterro sanitário.

O problema é que muitas vezes esse lixo é jogado em “Lixões Irregulares” ruas, avenidas com pouco fluxo de pessoas, ou estocados em frente das residências.

Leia também!  Prefeitura de Medeiros Neto começa a receber megaestrutura para Feira Cidadã.

Um desses “lixões’ encontra-se nas imediações atrás do Shopping Patio Mix, em Teixeira de Freitas-BA, e o mais absurdo dos fatos aqui mencionados, é que alimentos perecíveis estão sendo descartados por grandes comerciantes, sem o menor controle, ou fiscalização da Vigilância Sanitária.

Informações preliminares dão conta de que o responsável pelo descarte neste caso de centenas de caixas ovos de galinha, evidentemente em avançado nível de podridão,  seria uma conhecida rede de supermercados de um grupo capixaba instalado à anos no município teixeirense. 

Tal descarte criminosamente tem se tornado fonte de alimento para famílias carentes do município, e com isso tornando-os vitimas vulneráveis ao contágio e proliferação de diversas doenças.

Uma moradora do bairro Vila Verde nos enviou diversos videos denunciando a calamitosa situação.
Videos I. 

 

Vídeo II.

Por: Opinião Pública/ Da Redação/ Léo Feitosa/

Faça aqui seu comentário!