Portal Opinião Pública "Jornalismo com independência e imparcialidade!"

Vereador Sargento Berg anuncia que município adotará o sistema de ensino dos Colégios Militares e abrirá quadro para policiais da Reserva.

ByLéo Feitosa

mar 26, 2019

O vereador Wildemberg Soares Guerra, o “Sargento Berg” (PSDB), anunciou nesta última segunda-feira, 26 de março, nos grupos de WhatsApp, que o município de Teixeira de Freitas, através do governo do Estado, Câmara Municipal de Vereadores e do Poder Executivo, adotará o Sistema de Ensino dos Colégios Militares, e com isso abrirá o quadro para Diretor, Coordenador e Tutor, para policiais da Reserva Remunerada, através da SSO da 87ª CIPM.

vereador Wildemberg Soares Guerra, o “Sargento Berg” (PSDB)

O esforço do vereador Sargento Berg em tentar sanar parte dos problemas relacionados com a qualidade do ensino público, foi iniciado na sessão ordinária da Câmara Municipal, do dia 27 de fevereiro do corrente ano, quando o plenário aprovou uma proposição legislativa de autoria do mesmo, que requer do Poder Executivo Municipal o encaminhamento ao Poder Legislativo de um Projeto de Lei em conformidade com o anteprojeto em anexo que propõe a implantação do Sistema de Ensino do Colégio da Policia Militar – CPM nas escolas municipais de Teixeira de Freitas.

No áudio abaixo o vereador explica os principais pontos. 

Leia também!  Prefeito Beto Pinto traz ensino médio de volta para a cidade após convenio com o estado para construção de escola em tempo integral.

O vereador Sargento Berg explica que o projeto de difusão do sistema de ensino da Rede CPM, consiste na capacitação dos policiais militares da reserva, contratados pela Prefeitura Municipal, bem como a criação dos cargos de diretor militar, coordenador militar e tutores disciplinares militar.

Segundo o vereador Sargento Berg, com a implantação do sistema de ensino da Rede CPM, alguns colégios da rede municipal (a princípio um ou dois), passariam a ter uma direção compartilhada entre direção escolar, encarregado das questões administrativas e pedagógicas, e o novo diretor disciplinar, responsável pela disciplina dos alunos, pertencente ao quadro da RESERVA DA POLICIA MILITAR.

O vereador ressaltou que o projeto vai funcionar com o apoio de policiais militares da reserva remunerada, atuando como tutores disciplinares dos alunos matriculados nas escolas contempladas, mas que antes pretende levar o projeto para a analise do Conselho Municipal de Educação, e posteriormente solicitar uma Audiência Pública, com a participação dos Profissionais da Educação, membros do Legislativo, Policia Militar e Poder Executivo, para aprimorar e discutir ponto a ponto, a adoção do novo sistema disciplinar educacional. 

Leia também!  Medeiros Neto: Prefeitura realiza entrega de diversos kits para as mães e gestantes do programa Criança Feliz.

O parlamentar ainda informa que entre os conteúdos, estão instruções militares, noções de civismo e direitos humanos, aulas de cidadania e requisitos permanentes de hierarquia e disciplina.

 

“O Colégio Militar oferece a credibilidade da corporação ao garantir ensino, proporcionando a formação integral do aluno e despertando-lhe desejo pela carreira militar”,enfatizou o vereador Sargento Berg.

Por: Opinião Pública/ Da Redação/ Fonte/ CMTF/ Com informações de/Alexandra Silva/

Faça aqui seu comentário!