Portal Opinião Pública "Jornalismo com independência e imparcialidade!"

Projeto do Bispo Dom Jailton “Cidade limpa” lotou a Câmara Municipal em Audiência Pública.

ByLéo Feitosa

abr 8, 2019

O Projeto Cidade Limpa, cujo mentor, é Dom Jailton Oliveira Lino, bispo da diocese de Teixeira de Freitas, reuniu um grande numero de pessoas em Audiência Pública realizada nessa segunda-feira, 8 de abril, na Câmara Municipal, com a participação dos mais diversos representantes da sociedade civil organizada, lideranças, comunidades, autoridades dos poderes, Executivo, Legislativo e Judiciário..

O juiz de Direito Dr. Ronney Moreira, representante do Judiciário enfatizou a culpa dos poderes, incluindo o Ministério Público que não cobra, assim como os vereadores que não fiscalizam as ações mais simples, que poderiam contribuir para a manutenção de uma cidade mais limpa, bem como a ausência de campanha de conscientização junto a sociedade, no sentido de promover o bem comum.

O juiz conclamou a população para que efetivamente se empenhe e não espere somente do poder público que precisa ser mais efetivo com suas responsabilidades.

O Bispo Dom Jailton enfatizou a importância das etapas do projeto, agradeceu a todos pelo empenho e pediu para que a segunda etapa seja de AÇÃO, com todos unidos em busca de uma cidade mais limpa, mais agradável para se viver.

Leia também!  Prefeitura implementa drenagem e pavimentação no bairro Alto Tancredo.

A fala da Presidente dos Catadores de Teixeira de Freitas, Aninha, (como gosta de ser chamada), foi um dos momentos mais emocionantes da audiência pública, ao retratar que foi necessário alguém vir de fora para conscientizar a nossa comunidade, de que muitos sofrem com a questão da coleta seletiva, além da importância econômica e social, para o trabalho dos catadores.

Nesta etapa do projeto foi abordado que o principal objetivo é discutir, despertar e incentivar o cuidado com a limpeza dos espaços públicos de Teixeira de Freitas, e contar com a participação do Executivo, Legislativo, Judiciário, além de instituições de ensino, entidades de classe e associações comunitárias, além da Diocese Teixeira de Freitas/Caravelas, que foi a idealizadora do Projeto.

Para este ano, a segunda etapa prevê as seguintes ações:
  • I – Avaliação da Primeira Etapa

  • II – Ações nas escolas: palestras, oficinas, redações, poesias, músicas, desenhos, visitas técnicas, gincanas, mutirões, projeto de coleta seletiva e outros.

  • III – Campanha de recolhimento de EPI’s (Equipamentos de Proteção Individual) para doação aos catadores.

  • IV – Reunião com a Associação de Catadores.

  • V – Instalação de lixeiras de Coleta Seletiva em pontos da cidade.

  • VI – Implantação da Coleta Seletiva em Paróquias, Repartições Públicas, Estabelecimentos Comerciais, Condomínios, Ruas/Bairros.

Recente em entrevista ao portal de Noticias “O Povo News”, Dom Jailton disse que;

“Andando pela cidade, conhecendo toda a cidade, os bairros da cidade, eu percebo que nós precisamos trabalhar muito para manter nossa cidade mais limpa, mais habitável, eu fico impressionado em ver urubus dentro da cidade é algo inacreditável”.

Na ocasião, o Bispo ressaltou que as ideias para o Projeto foram inspiradas por outros exemplos de cidades que são referência na limpeza pública.

Por: Opinião Pública/ Da Redação/ Com Informações de/
Franedir Gois

Faça aqui seu comentário!