• 17 de setembro de 2021 19:57

PRF apreende 225 Kg de cloridrato de cocaína e causa um prejuízo de quase 34 milhões de reais ao crime organizado.

ByLéo Feitosa

jul 5, 2021

 

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) segue combatendo o narcotráfico e mais uma grande apreensão foi registrada na tarde desta sexta-feira (02), em Jaguaquara. Desta vez foram retirados de circulação 225 Kg de cloridrato de cocaína. Um homem foi preso.

Equipe realizava fiscalização de combate a criminalidade, quando abordou um Hyundai HR/HDBo na altura do quilômetro 632 da BR 116. Durante a fiscalização o condutor apresentou respostas vagas aos questionamentos realizados pelos policiais, quando então decidiram fazer uma busca minuciosa na caminhonete.

Leia também!  Absurdo!: Paciente que tratava furúnculo no HMTF morre vítima de negligência, segundo denúncia de familiares. Operado por Marcelo Belitardo, prefeitura alega que óbito ocorreu por doença inflamatória intestinal.

Na vistoria, os PRFs perceberam indícios de alteração na estrutura da carroceria do veículo, quando encontraram 212 tabletes de cloridrato de cocaína, pesando aproximadamente 225 quilos da droga.

Ao ser questionado, o homem de 34 anos informou que iria visitar parentes no interior da Bahia. Ele não quis dar maiores informações sobre a origem e o destino da droga. A PRF encaminhou a ocorrência para a Delegacia da Polícia Civil.

Leia também!  Medeiros Neto: Prefeitura promove palestra para puérperas em alusão ao Agosto Dourado e realiza a entrega de kit de higiene pessoal e mini enxoval.

O motorista foi preso e responderá pelo crime de tráfico de drogas, conforme dispõe o art. 33 da Lei 11.343/2006 que tem pena prevista de cinco a 15 anos de prisão.

Com a apreensão, a PRF causa um prejuízo ao narcotráfico de quase 34 milhões de reais. Desde o início do ano, a PRF, na Bahia já aprendeu mais de 5 toneladas de drogas.

 

Por: Opinião Pública/ DA REDAÇÃO/

Faça aqui seu comentário!