Portal Opinião Pública "Jornalismo com independência e imparcialidade!"

Morador da Rua Beija-Flor no Setor Bahia Sul, denuncia abandono do Secretário de Infraestrutura e falta de acessibilidade para cadeirantes.

ByLéo Feitosa

maio 7, 2019

Faltando um ano e seis meses para o fim do mandato do atual prefeito Temoteo Alves de Brito, a promessa de asfaltar 400 ruas em 4 anos não chegou nem perto de ser cumprida. Com uma prefeitura estagnada, envolto em denúncias e mais denúncias de corrupção, sem recursos para setores essenciais como a saúde e a educação, as obras de infraestruturas, já não fazem mais parte dos discursos do desgastado prefeito, que agora corre o risco de ficar sem partido devido a articulação do seu principal adversário no momento, o ex-vereador Caio Checon, que pelo o que tudo indica será o novo presidente municipal do PSD, partido do Senador Otto Alencar, principal aliado do governador Rui Costa.

Temoteo Brito prometendo asfaltar 400 ruas em 4 anos, promessa até hoje nunca cumprida

 

Tão melancólico quanto a situação política de Temoteo Brito, é a situação em que se encontra as ruas do município, tomadas pelo acumulo de lixo, verdadeiros criadouros de insetos e urubus, os moradores dos bairros mais periféricos ainda precisam conviver com a inércia de um secretário de infraestrutura que até hoje não mostrou qual a sua real finalidade frente a pasta que ocupa.

Leia também!  Prefeitura implementa drenagem e pavimentação no bairro Alto Tancredo.
Secretário de Infraestrutura Tabajara Marques ao lado do presidiário Geddel Vieira Lima.

Um morador da Rua Beija-Flor localizada no Setor Bahia Sul, procurou a redação do Opinião Pública, para denunciar o descaso e abandono em que se encontra o seu bairro, mas especificamente a referida rua.

Segundo um dos moradores o secretário de Infraestrutura, que na foto acima está ao lado do presidiário Geddel Vieira Lima, simplesmente parou de fazer a manutenção da Rua Beija-Flor por um simples “Capricho”

Leia o relato!

Precisamos de uma matéria na rua beija flor aqui bairro Setor Bahia sul. A rua ao lado do clube central park!

Rua quase intransitável não só pelos veículos, mas por alguns moradores que tem dificuldade de locomoção.

Um deles é um morador que é cadeirante e não tem seu direito de ir e vim respeitado, e garantido pela Constituição Federal.

Leia também!  Prefeitura de Medeiros Neto realiza cerimônia de posse do Programa Despertar, desenvolvido nas escolas do campo.

Já falamos com vários meio de comunicação mas como aqui não somos subordinados então até então não veio ninguém.

Então estou tentando com vocês do Opinião Pública!

 

Um outro morador relatou que se trata de capricho do Secretário;

“A maquina passava aqui, mas foi depois que ele usava da água que a gente tem aqui, que é dessas casas que a gente mora que era do banco, então a gente cortou a água dele né, que era pra fazenda dele!”

“Depois desse dia que cortou a água ai ele parou de mandar a máquina! Só passa na rua principal onde tem o escritório dele (Tabajara), a máquina roda, faz o loteamento dele todinho, mas a máquina não está autorizada a entrar aqui!” afirmou o morador.

 

Morador Cadeirante impossibilitado de transitar por conta da lama e dos buracos na rua Beija-Flor Setor Bahia Sul.

 

Por: Opinião Pública/ Da Redação/

Faça aqui seu comentário!