Portal Opinião Pública "Jornalismo com independência e imparcialidade!"

Medeiros Neto: Prefeitura capacita enfermeiros do Hospital Municipal em manuseio de ventilador pulmonar e CPAP em parceria com a UIR.

ByLéo Feitosa

jul 30, 2021

 

A Prefeitura de Medeiros Neto, por meio da Secretária Municipal de Saúde, promoveu na tarde desta terça-feira (27), mais uma capacitação com a equipe de enfermeiros no Hospital Municipal de Medeiros Neto – HMMN em parceria com a Unidade Integrada de Reabilitação – UIR.

A capacitação da equipe foi ministrada pelo fisioterapeuta, Romário Cardoso e teve como público-alvo todos os enfermeiros que atuam no Hospital Municipal de Medeiros Neto – HMMN.

 

A capacitação ocorreu dentro das dependências do próprio hospital e buscou instrumentalizar os enfermeiros para o manuseio de ventilador pulmonar, também chamado em alguns momentos de respirador pulmonar.

Leia também!  Teixeira: Prefeitura constrói refeitórios em escolas do município; saiba quais.

Trata-se de um equipamento essencial para a manutenção da respiração em pacientes que apresentam alguma deficiência respiratória, seja ela transitória ou permanente. Com o auxílio desses aparelhos, o paciente pode encontrar um conforto no momento de respirar, além de evitar a irritação dos pulmões ao fazer força para conseguir realizar essa ação tão primordial para o corpo humano.

Assim como, no manuseio do CPAP, que é uma abreviação de Continuous Positive Airway Pressure, ou seja, pressão positiva contínua nas vias aéreas, o CPAP é um pequeno aparelho compressor de ar silencioso, utilizado no tratamento para apneia do sono, do tipo obstrutiva.

Leia também!  "Tombou": Chefe do tráfico de Caravelas é morto com vários tiros em Vila Velha - ES.

Segundo a coordenadora Chefe de Enfermagem, “o objetivo foi levar aos profissionais novos conhecimentos técnicos e científicos, buscando aprimorar a qualidade do serviço e do atendimento prestado à população”.

 

Prefeitura Municipal de Medeiros Neto
Nossa gente em primeiro lugar

ASCOM/PMN

 

Vídeo

Por: Opinião Pública/ DA REDAÇÃO/

Faça aqui seu comentário!