Portal Opinião Pública "Jornalismo com independência e imparcialidade!"

Luto: Lúcio Mauro, ator e comediante, morre aos 92 anos.

ByLéo Feitosa

maio 12, 2019

O ator e comediante Lúcio Mauro morreu no fim da noite de sábado (11), aos 92 anos, no Rio de Janeiro, informou seu filho, o também ator Lúcio Mauro Filho. Ele estava internado na Clínica São Vicente, na Zona Sul do Rio, havia cerca de dois meses, com problemas respiratórios. Lúcio Mauro Filho homenageou o pai ao postar um texto em uma rede social. Ele escreveu que o pai teve uma vida linda, foi pioneiro, teve carreira vitoriosa e o influenciou.

O corpo de Lúcio Mauro será velado nesta segunda-feira (13) no Theatro Municipal do Rio. A cerimônia, aberta ao público, acontecerá das 9h às 14h. Ainda não há informações sobre o enterro.

Leia também!  Medeiros Neto 64 Anos: Gerson Rufino faz público se emocionar em noite de louvor na Praça da Prefeitura.

 

Lúcio Mauro Filho com o pai, Lúcio Mauro, que fez participação especial em episódio da ‘Escolinha’ em dezembro de 2015 — Foto: Tata Barreto/TV Globo

 

Em março, Lúcio Mauro completou 92 anos, e seu filho, Lúcio Mauro Filho, compartilhou uma foto para festejar a data. Na imagem, Lúcio Mauro aparece com filhos, a nora, Cíntia Oliveira, e os netos, Liz, Bento e Luiza.

“Só foi possível graças a sua força, e também ao amor incondicional que sentimos por ti. Hoje comemoras os seus 92 anos. Comemoramos a sua existência e a nossa sorte de carregar seu sangue. Feliz Aniversário, meu pai! Juntos sempre!”, postou em uma rede social na ocasião.

Leia também!  Elmar Nascimento envia emenda para novos equipamentos no aeroporto 9 de Maio e retorno dos vôos comerciais.

Lúcio de Barros Barbalho, mais conhecido como Lúcio Mauro, nasceu em Belém do Pará, no dia 14 de março de 1927. Estreou na Globo em 1966.

O ator integrou o elenco de alguns dos principais programas de humor da emissora, como “Chico City” (1973), “Os Trapalhões” (1989) e “Escolinha do Professor Raimundo” (1990).

 

Fonte: G1/

 

Por: Opinião Pública/ Da Redação/

Faça aqui seu comentário!