• 4 de outubro de 2022 19:39

Inelegível: Ex-prefeito João Bosco tem sua candidatura a deputado estadual cassada pelo TRE- BA, com base na Lei da Ficha Limpa.

ByLéo Feitosa

set 9, 2022

O ex-prefeito de Teixeira de Freitas-BA, teve sua candidatura a deputado estadual, cassada pelo Tribunal Regional Eleitoral do Estado da Bahia, nesta última sexta feira, dia 09 de setembro de 2022, após o referido Tribunal de Justiça, julgar o mérito da candidatura com base no pedido de impugnação da mesma, apresentado pelo Ministério Público.

Em Julgamento de mérito, o pleno do TRE Bahia indeferiu o pedido de registro de candidatura do ex-prefeito João Bosco, e por unanimidade os desembargadores acolheram a impugnação, em razão da rejeição das contas de gestão do ex-prefeito pela Câmara de Vereadores.

Leia também!  Escola Virgílio Ferreira recebe autores dos símbolos oficiais de Medeiros Neto durante a realização do projeto "Lugar onde eu vivo".

Lei da Ficha Limpa!

Segundo os desembargadores ficou constatado um erro insanável que configurou ato de improbidade administrativo no período em que João Bosco foi prefeito de Teixeira de Freitas, fato que atrai uma das causas de inelegibilidade prevista na Lei da Ficha Limpa.

Leia também!  Prefeitura de Medeiros Neto realiza Caminhada da SuperAÇÃO em comemoração ao Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência.

Apesar da cassação de sua candidatura ter sido realizada por um colegiado, ainda cabe aos ex-prefeito João Bosco apresentar recurso ao TSE- Tribunal Superior Eleitoral.

Por: Opinião Pública

Faça aqui seu comentário!