Portal Opinião Pública "Jornalismo com independência e imparcialidade!"

Governo do Estado: Feira de vinhos destaca atrativo e potencialidade do Enoturismo.

ByLéo Feitosa

abr 14, 2019

A produção argentina de vinhos mundialmente reconhecidos e premiados ganha espaço para celebração com o Malbec World Day, evento abertona última quinta-feira, 11 de Abril, na Praça Central do Shopping Barra, com patrocínio do Governo do Estado, e a programação segue até domingo, 14 de Abril.

O secretário estadual do Turismo, Fausto Franco, foi recepcionado pelo cônsul argentino Pablo Virasoro. Em sua fala, o secretário destacou a importância das relações bilaterais entre a Argentina e a Bahia: “O vinho argentino é ainda mais valorizado com esta iniciativa e estreita relações entre os dois povos”, afirmou.

A expressiva presença dos argentinos, durante o ano inteiro, em zonas turísticas da Bahia, também foi citada pelo secretário Fausto Franco. “Entre os países emissores de turistas estrangeiros, a Argentina está no topo da lista, estabelecendo excelente convivência com os baianos, nos mais diversos municípios do estado”.

A experiência argentina na produção de vinhos ainda contribui para inspirar o enoturismo, um importante segmento da diversificada oferta turística da Bahia.

Leia também!  Prefeitura implementa drenagem e pavimentação no bairro Alto Tancredo.

A vinícola Terranova, no município de Casa Nova, atrai cerca de dois mil turistas por mês. A fazenda, do grupo Miolo, produz dois milhões de litros de premiados vinhos e espumantes por ano e está incluída no roteiro enoturístico Vapor do Vinho, no Vale do São Francisco.

Leia também!  Teixeira de Freitas registra primeiro caso suspeito da nova varíola dos macacos.

Também estiveram presentes ao evento de abertura do Malbec World Day o diretor do Clube Gourmet, Ivan Baldivieso, e os cônsules Gonzalo Fournier, da Espanha; Milena Caridad Zaldivar Piedra, de Cuba; e Lorena Garcia, do Uruguai.

 

Fonte: Ascom/Secretaria de Turismo do Estado (Setur)

Por: Opinião Pública/ Da Redação/

Faça aqui seu comentário!