Portal Opinião Pública "Jornalismo com independência e imparcialidade!"

Governador Rui Costa fala pela primeira vez sobre a greve dos professores da UNEB, e convite de Bolsonaro aos estrangeiros para “Turismo Sexual” no Brasil.

ByLéo Feitosa

abr 28, 2019

a manhã deste sábado (27), o governador Rui Costa visitou o município de Nova Fátima, no território da Bacia do Jacuípe, onde entregou obras de manutenção do Colégio Estadual Virgílio Francisco Pereira, inaugurou serviço de pavimentação de ruas e entregou a cobertura da Feira do Mercado Municipal e ampliação da rede de iluminação.

“Hoje é um dia de muitas inaugurações e também de novos anúncios. Nós entregamos convênios da agricultura familiar, do Programa Bahia Produtiva, e também assinamos novas ordens de serviço de infraestrutura junto com a entrega do calçamento, assinamos mais um convênio de pavimentação urbana, além de obras iluminação e arquibancada do estádio aqui de Nova Fátima”, elencou o governador Rui Costa.

Leia também!  "Olhe ele ai oh!": CAEMA prende Vice-prefeito de Alcobaça por porte ilegal de arma de fogo e embriaguez ao volante na Avenida Getúlio Vargas em Teixeira de Freitas.

 

Foto: Raimundo Mascarenhas

 

Rui Costa ao fazer  uso da palavra fez duras criticas ao presidente da república Jair Bolsonaro (PSL) ao afirmar que o chefe maior do país fez apologia ao turismo sexual durante uma entrevista na ultima quinta-feira, que como sempre quando parte do presidente gera muita polêmica.

Bolsonaro teria dito que “quem quiser vir aqui fazer sexo com uma mulher, fique à vontade”, para Rui Costa um completo desrespeito a mulher sendo colocado como objeto. Ao descer do palanque ele enfatizou seu comentário para a imprensa.

O governador aproveitou também para falar sobre a greve dos professores das universidades que vai entrar na terceira semana. Segundo o governador os técnicos das universidades sentaram para conversar e não entraram em greve e ele vai rever a situação na segunda-feira.

Leia também!  Teixeira: Confira o calendário de vacinação contra Covid-19 de 15 a 19 de Agosto.

Quanto aos professores, o governador disse que entraram em greve antes de participar de uma reunião agendada com sua equipe para tratar do assunto e que já ofereceu, ou seja, liberar as promoções, mudar o plano e estrutura de cargos, segundo Rui Costa conseguiu fazer 900 promoções,  cujo custo está no ordem de R$ 20 milhões, além de outros benefícios conforme entrevista. Ao final o governador falou da sua ida a Nova Fátima e a finalidade da viagem.

Por: Opinião Pública/ Da Redação/

Faça aqui seu comentário!