Portal Opinião Pública "Jornalismo com independência e imparcialidade!"

A POLÍTICA POR TRÁS DOS PANOS!

ByLéo Feitosa

set 10, 2018
A POLÍTICA POR TRÁS DOS PANOS.
Fraude em licitação da Câmara de Vereadores.

O Presidente da Casa, Agnaldo da Saúde (PR), determinou a realização de uma licitação muito suspeita, trata-se da carta convite n° 03/2018, orçada em quase R$ 180 mil reais e que estaria recheada de irregularidades, e pior, conforme denúncia, direcionada a uma empresa mineira que o proprietário já foi inclusive preso em uma operação do Ministério Público do Espírito Santo sobre combate à fraude em licitação. Um dos empresários que teve sua empresa inabilitada no certame, gritou em alto e bom som na Câmara, “que aquilo era uma armação”, e disse muito mais conforme documento que o ZHN teve acesso. Estranho que uma licitação idêntica foi cancelada, após outra empresa sagra-se vencedora pelo valor de apenas R$ 62 mil reais, e agora, há um aumento vertiginoso.

Fraude em licitação da Câmara de Vereadores (2)

Esse mesmo empresário mineiro que foi preso em uma operação do MP Capixaba acusado de fraude e que muito provavelmente deve vencer a licitação aqui, também sagrou-se vencedor de uma licitação em Feira de Santana, na cidade do candidato a Governador José Ronaldo (DEM), por lá, o então Presidente da Câmara, José Carneiro (PSDB) quando soube da prisão e dos inúmeros processos que o empresário responde, sendo que só na Justiça Federal são sete (7) não assinou o contrato e determinou o imediato cancelamento do certame. O Vereador feirense David Neto (DEM) disse na ocasião, “Como é que você abre um envelope de uma empresa, que eu acho que um pau de galinheiro é mais limpo do que ela?” e solicitou apuração da Polícia Federal no caso lá. Por aqui, aguarda-se a posição que Agnaldo da Saúde irá tomar com relação a denúncia, logo ele, que gosta de utilizar Feira de Santana como exemplo, e agora?
E por falar na Câmara…

O Rei (Prefeito) manda os súditos (vereadores) obedecem.

Após o escândalo envolvendo a descoberta da máfia do gás em Teixeira de Freitas pelo Ministério Público, há inéditos duas semanas, por falta de quórum, não há sessão na Câmara, um edil da base governista que pediu anonimato, relatou que as sessões foram derrubadas graças a articulação do prefeito Temóteo Brito (PSD) em parceria com o Presidente da Casa, Agnaldo da Saúde (PR), segundo o edil o alcaide estaria com receio da dimensão que isso (máfia do gás) poderia “ganhar” na Câmara no calor do momento. Experiente e com uma administração transbordando de irregularidades, o Coroné tem conhecimento que uma CPI todo mundo sabe onde começa e nunca onde termina. A sociedade promete lotar a Câmara na próxima quarta para ouvir e vê o que os edis tem a falar, se é que alguns tem viu.

Leia também!  Novo modelo das rotas do Transporte Escolar gera benefícios aos estudantes de Mucuri.
Máfia do Gás (1)

Conforme informações obtidas com exclusividade o Departamento de Polícia Técnica já constatou através de perícia a adulteração nos cilindros de gás o que derruba o argumento governista de que ainda não havia sido constatado a adulteração.

Máfia do Gás (2)

Pegou muitíssimo mal e deve muitas explicações para a sociedade o fato do vereador Ronaldo Baitakão (PSC), todo poderoso líder do prefeito Temóteo Brito na Câmara, ter “impedido” que o requerimento do seu colega vereador Marcos Belitardo (PHS) que solicitava documentos e investigação no caso do gás, fosse aprovado na Câmara, na ocasião o requerimento de Marcos contou apenas com o apoio dos vereadores, Marcílio (PT), Erlita (PT) e Jonanthan (SD). O argumento utilizado por Baitakão para se safar da responsabilidade por ter articulado a desaprovação da investigação era de que os documentos solicitados por Marcos encontravam-se no portal da transparência, mas, tais argumentos não devem prevalecer porque conforme o documento apresentado pelo vereador ele solicitava vários documentos que diziam respeito não só a fase licitatória como também a “qualidade e procedência do gás”, que não encontra-se na documentação do portal. Agora depois que o escândalo veio a tona, desculpas esfarrapadas é o que mais aparece.

Máfia do Gás (3)

O Ministério Público tenta manter em sigilo as investigações, mas, uma fonte nos informou que em breve haverá a segunda fase da operação, dessa vez estaria no alvo do MP um famoso despachante da cidade que seria o lobista que havia conseguido o contrato da empresa investigada com a Prefeitura, segundo a fonte esse despachante também atua no ramo de agiotagem e seria “laranja” de políticos da cidade. Será que vem delação por aí?

Sucessão 2020 (1)

O Presidente da Casa, o Agnaldo da Saúde (PR), tem confiado fielmente que será o candidato a prefeito de Teixeira de Freitas apoiado por Temóteo em 2020, e para tanto, assim tal qual um capataz tem cumprido fielmente as determinações do Rei.

Sucessão 2020 (2)

Para sua pretensão de concorrer ao executivo teixeirense, Agnaldo da Saúde, precisa se reeleger Presidente da Câmara, para tanto, teria que mudar a Lei Orgânica do município e daí precisaria de 13 vereadores, outro problema é que para se eleger Presidente no atual mandato, o homem da Saúde, tinha feito um acordo com Baitakão que nesse segundo biênio apoiaria o mesmo e esse agora para desistir de concorrer a eleição teria feito um pedido daqueles impublicáveis (R$R$R$), no mais, Agnaldo tem orçado a sua pretensão a reeleição ao cargo de Presidente da Câmara em R$ 200 mil reais, esse gasto seria feito com “marketing” para conven$er os edis indecisos a apoiar seu projeto (para bom entendedor…).

Leia também!  Mais agilidade na saúde: Tem consulta pré-agendada? Fique alerta para a ligação da Prefeitura.
Rui Costa no extremo Sul

O governador e candidato à reeleição Rui Costa, e o os candidatos a senadores Jacques Wagner e Ângelo Coronel acompanhados de diversos deputados federais e estaduais, prefeitos e demais lideranças, visitaram o extremo sul da Bahia a caça do voto do eleitor, o inicio deu-se por Teixeira de Freitas, acompanhados de centenas de simpatizantes Rui Costa percorreu o centro da cidade e terminou a passeata na famosa feira de sábado, de lá seguiu para Itamarajú, Prado, Alcobaça e Caravelas. Aqui em Teixeira dois fatos mereceram atenção, primeiro o atual prefeito parecia “papagaio de pirata”, não largou o braço de Rui Costa e enciumava toda vez que o ex-prefeito João Bosco aproximava-se do Governador, logo ele, que em 2014 foi acusado de não fazer nem a campanha de Rui nem a de Otto a senador em Teixeira, o segundo, foi a aceitação popular do ex-prefeito João Bosco, muito saudado por onde passava, tanto é que Ângelo Coronel, experiente que é, percebendo a rejeição de Temóteo não desgrudou do ex-prefeito João Bosco.

Campanha Fria em Teixeira – destaque para Lucas Bocão

Até agora a campanha permanece fria em Teixeira e na região, os grupos e os candidatos locais ainda não colocaram o “time” em campo, com exceção, para o candidato a deputado estadual Lucas Bocão que tem feito uma verdadeira peregrinação nos bairros e de casa em casa conversando com os eleitores, um detalhe que tem chamado a atenção é que o candidato tem mostrado sua caminhada ao vivo através de “live” na rede social facebook, e com isso tem sido o nome mais comentado nos quatro cantos da cidade. Lucas que teve mais de 8 mil votos na eleição em 2014 somente em Teixeira, deve conseguir uma votação muito expressiva no município, se mantiver os apoios que teve na região, deve tornar-se o único representante de Teixeira de Freitas na Assembleia Legislativa baiana em 2019.

7 de setembro com avenida vazia

O desfile em alusão as comemorações do dia 7 de setembro em Teixeira de Freitas esse ano contou com pouca participação popular, muito provavelmente em conta da rejeição recorde do prefeito Temóteo Brito, que deve aumentar ainda mais por conta da inercia administrativa e devido ao escândalo da máfia do gás e ao silêncio do alcaide sobre o assunto.

A POLÍTICA POR TRÁS DOS PANOS-Vanderlei Filho/Zero Hora News. A informação que faz a diferença.
Faça aqui seu comentário!